There was an error in this gadget

Friday, November 11, 2016

Gedicht - Lieve wijk - Poetry - Broken Mirror

O meu bairro que eu amo!

Bairro independência
Moradia de nobre e vilão
De igrejas e delegacia
E da antiga exposição

Passeando pelo bairro
Contemplo novo e moderno
Dividindo o mesmo espaço
Cimento, asfalto e aço!

Igreja matriz Senhor dos Passos!
Pérola de singela nobreza
Igreja Nossa Senhora de Fátima
Cânticos de grande beleza.

Garças brancas sobrevoam o bairro
A cada amanhecer
Com seus hinos de louvor ao Sol
Vão em busca do seu bem querer.

Bairro das crianças solitárias
Viajantes do espaço cibernético
Confinadas na sua solidão
Pela falta de opção.

Por vezes, águias caçadoras
Sobrevoam o bairro
Procuram suas presas
Perdidas e cheias de incertezas.

Bairro das mulheres fogosas
Bonitas, educadas e trabalhadeiras
Professoras, advogadas e secretarias
Mas também das faladeiras

Casas de concreto e de barro
Ocultam obras da criação
Estrelas florescendo
A esperara do verão

Bairro Independência
De muita contradição
É o bairro que amo
Com todo o meu coração.

 Pois ele é o meu bairro.

Raymundo Prett, Cachoeiro de Itapemirim, Bairro Independência. Some day in the near past! 




Broken mirror

I´ve been to many places
I´ve spoken to many people
But the most i´ve seen
Was that inside of me.

Looking to one place
Finding other things
Searching for a new way
Meeting myself in front of a broken mirror.

Where to go?
What to find?
What to look for?
Nothing but peaces of a broken mirror.
(RP, Cachoeiro de Itapemirim, 11th January 2009)


Sterren in de tuin

Witte reigers
Vliegen over het dak
Dat zijn regels
Geen uitzondering
Met hun hemelse bekken
Zingen de mussen
Opzoek naar een onderdak
Leven en niet uitsterven
Achter in de tuin
Bloeien de sterren
Tussen schijn en werkelijkheid
Wachtend op de warme zomertijd

(Raymundo Prett, Cachoeiro de Itapemirim 11-2008)

Thursday, October 13, 2016

Talking about Potatoes and Tomatoes







I use to say “POTETOES”,
he says Potatoes
But EU says:
Aardappel, Batata, Pomme de Terre, Kartoffel, Krompur, Patate, Kaptof, Kartul, Perunce, Pomme de Terre, TTaTaT, Burgonya, Pratai, Kartöflu, Krumpir, Kartupele, Bulvés, Potet, Ziemniak, Cartof, Zominakof, Pootatis.
Now you want me to go through the same again?
do the list with tomatoes?
pay the bill and hold YOU the hot potatoes!
give a break,
not a pussycat.

RJ_GP - Amsterdam, 27 November 2014